Quarta, 21 de Fevereiro de 2018

liminar

TJ nega recurso à Câmara e mantém Délia na prefeitura

14 DEZ 2010Por Fábio Dorta, Dourados 00h:30

O Tribunal de Justiça negou ontem o pedido da Câmara de Vereadores de Dourados pela suspensão da liminar que mantém Délia Razuk na presidência da Mesa Diretoria e, por consequência, como prefeita interina. O relator do pedido, desembargador Júlio Roberto Siqueira Cardoso, afirmou que "a melhor e mais cautelosa decisão a ser tomada neste momento é a de indeferir o pedido de concessão de efeito suspensivo".

O mérito do pedido ainda não foi julgado. A renovação da Mesa Diretora, em Dourados, já deveria ter sido feita na primeira semana de dezembro. A decisão judicial permitiu, liminarmente, que Délia Razuk esticasse por dois anos seu mandato-tampão, que terminaria dia 31 de dezembro.

Com a nova eleição da Mesa, assumiria como prefeito interino o próximo presidente da Câmara. O "tapetão" de Délia Razuk busca justamente mantê-la prefeita pelo menos até a realização das novas eleições, marcadas para o primeiro domingo de fevereiro (6). (FB)

Leia Também