sexta, 20 de julho de 2018

FUTSAL

Thiaguinho salva nova geração no primeiro Desafio

26 DEZ 2010Por 15h:18

Alvo de críticas pela falta de renovação, o futsal brasileiro comemorou o destaque de uma jovem promessa no Desafio das Estrelas, disputado na manhã deste domingo, na Arena Santos. O ala Thiaguinho, de apenas 22 anos, marcou dois gols na vitória de virada por 3 a 2 do time formado por destaques do cenário nacional contra uma equipe de brasileiros que jogam no exterior, em uma espécie de All-Star Game da modalidade.

"Valeu a pena até deixar a família para vir jogar, graças a Deus foi um resultado positivo. Espero repetir essa atuação no próximo jogo", afirmou o representante do Carlos Barbosa (RS), citando o novo Desafio das Estrelas, previsto para terça-feira, na cidade de São Bernardo do Campo.

Dono de uma perna esquerda habilidosa, Thiaguinho mostrou precisão nas finalizações. No primeiro gol, ele achou um buraco na barreira do time adversário para superar o goleiro Greuto. No fim, decidiu o confronto com um chute de média distância, no canto direito da meta rival. Agora, o ala ganha ainda mais motivação para sonhar com um espaço na seleção brasileira do técnico Marcos Sorato, o Pipoca.

"Eu tive oportunidades em amistosos no ano passado, mas fiquei fora do Grand Prix (o principal torneio da temporada). Mas você deve sempre mostrar ao treinador que está bem para ter oportunidades", destacou.

Até a metade do segundo tempo do Desafio das Estrelas, os "vovôs" do futsal estavam roubando a cena. Indio (38 anos) e Pula (31) abriram dois gols de vantagem para o "time do exterior". A reação da "equipe nacional" começou logo depois do intervalo. Antes da participação decisiva de Thiaguinho, Lenísio (34 anos) diminuiu o prejuízo com um golaço ao driblar três adversários antes de encobrir Greuto.

O pivô, aliás, elogiou a participação de Thiaguinho e mostrou que torce pelo sucesso dos mais jovens na seleção brasileira. "O Índio e eu fizemos parte da história, é positivo saber que você fez bem os seus serviços, mas a renovação faz parte da vida", lembrou Lenísio.

No primeiro tempo, outro veterano ganhou aplausos. O experiente goleiro Rogério (37 anos) fez grandes defesas e, mesmo atuando em apenas metade da festa pela "equipe do exterior", deixou a quadra elogiado por torcedores.

Leia Também