terça, 17 de julho de 2018

Tetila manda secretários cortarem gastos

28 FEV 2008Por 19h:51
     

        Fábio Dorta, Dourados

 

 

Os secretários municipais da Prefeitura de Dourados vão ter que apertar os cintos e economizar nos gastos. A ordem foi dada ontem pelo prefeito Laerte Tetila (PT), que pretende conseguir redução de até 10% no custeio da máquina administrativa para cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

 

A economia, que o prefeito chama de "contingenciamento de gastos", deve atingir praticamente todos os setores da administração. Além de cumprir com os compromissos para não ser punido de acordo com a LRF, o prefeito afirmou que pretende utilizar parte dos recursos economizados para continuar pagando as dívidas herdadas das administrações anteriores.

 

        De acordo com a assessoria do prefeito, quando Tetila assumiu o primeiro mandato em 2001 encontrou uma dívida de R$ 178 milhões, dos quais já foram pagos cerca de R$ 60 milhões.

Leia Também