Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

Tragédia

Terremoto de 7,1 graus deixa quatro mortos no Japão e danifica usina nuclear

8 ABR 2011Por Extra globo17h:21

Um dia após o terremoto de 7,1 na escala Richter voltar a espalhar o pânico no Japão, o governo começa a registrar os danos e impactos do maior tremor desde o desastre do dia 11, quando um sismo de 9,0 graus, seguido de tsunami, devastou o nordeste do país. A empresa Tohoku Electric Power divulgou nesta sexta-feira que foram encontrados vazamentos de água radioativa na usina nuclear de Onagawa, na região de Miyagi. Também foram registrados incêndios no complexo, mas não houve mudanças nos níveis de radiação do lado de fora do complexo, informou a Tohoku Electric Power. De acordo com o canal de notícias estatal NHK, quatro pessoas morreram e 141 ficaram feridas depois do abalo.

Segundo a companhia, a água vazou das piscinas de combustível dos reatores 1, 2 e 3 da usina, e também vazou em três outros pontos do complexo do reator 3. Todos os reatores atingidos já estavam desligados desde o terremoto do início de março. A usina de Onagawa fica próxima ao epicentro dos tremores da quinta-feira, registrado a 40 quilômetros de Miyagi.

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) disse que algumas outras usinas nucleares do país ficaram sem energia após o tremor da noite de anteontem, e que o fornecimento de eletricidade de emergência está em operação. Na usina de Fukushima, no entanto, a AIEA afirmou que não houve mudanças no monitoramente de radiação local.

Os abalos desta quinta-feira atingiram o nordeste do Japão, ainda muito debilitado pelo desastre do dia 11 de março. De acordo com a NHK, o sismo deixou cerca de 2,6 milhões de residências em todo país sem eletricidade. O Ministério da Saúde divulgou que mais 110 mil casas ficaram sem água potável depois do abalo; além das 140 mil que não recuperaram o abastecimento desde o terremoto do dia 11 de março.

Entre os mortos estão uma mulher de 63 anos que foi encontrada morta na manhã de ontem em sua casa na cidade de Yamagata e uma idosa de 74 morreu ao cair da varanda de sua casa em Miyagi. Próximo dali, dois homens faleceram no hospital, um tinha 79 e o outro 85 anos. Autoridades acreditam que os homens sofreram um ataque cardíaco. Bombeiros também afirmaram que quatro casas foram destruídas e três pegaram fogo.

Leia Também