Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

DIA DO IDOSO

Terceira Idade: aprendendo a recomeçar

1 OUT 2010Por 19h:00

EVELYN SOUZA

Hoje é comemorado o Dia Internacional do Idoso. Quem foi que disse que a velhice é uma fase em que já aproveitamos tudo? Ser idoso não é sinal de fim, mas sim, de um novo recomeço. Chegar a terceira idade é sinônimo de dever cumprido, porém, quando se trata das obrigações, como criar e educar filhos, estabilizar a família, depois disso, os mesmo são “livres para voar”. Por isso existe aquele velho ditado “não criamos nossos filhos pra gente, criamos para o mundo”. É nessa hora que os idosos devem procurar uma outra ocupação. A maioria são aposentados, têm sua renda e já não suportam mais dormir até tarde ou até mesmo perder horas assistindo televisão. Eles querem distração, entretenimento.

O CCI (Centro de Convivência do Idoso) Vovó Ziza oferece 27 atividades para população desse perfil. O coordenador do órgão, Valdir Gomes, explica que atualmente 3 mil idosos freqüentam o lugar, que oferece aulas de  ginástica, dança, acadêmia ao ar livre, vôlei, caminhada, alfabetização, jogos de xadrez, dama, cursos de artesanato, alfabetização, entre outras.

Gomes explica que eles são muito bem recebidos. “Infelizmente não atendemos mais gente porque não há mais vagas aqui. A superlotação pode significar um atendimento ruim, não é isso que queremos para eles”. Ele explica ainda que as vagas surgem através de desistências, mudança de cidades ou falecimentos.

O órgão recebe idosos de várias idades. “Tem gente aqui de 90 anos. Me dou muito bem com eles, eles me contam tudo sobre suas vidas, seus problemas, aflições e claro, de suas alegrias. Sou muito presente na vida deles”, acrescenta o coordenador.

A assistente Social, Janete Sinzato conta que já trabalhou com crianças, adolescentes e à cerca de 20 anos trabalha com idosos, “ me sinto uma profissional realizada aqui”, diz. Ela conta que ao chegar no CCI os integrantes passam por uma triagem, apresentam exames médicos e depois são encaminhados para atividades.

Cada idoso tem direito a duas atividades por semana e não podem faltar. Existe uma lista de presença para controlar a participação de cada um deles. Atualmente 20 integrantes participam do “Grupo Fantasia”, que realiza diversas apresentações de música e teatro em todo o Estado.

Aldevina Rock Valério, 75 anos trabalhou como cozinheira em diversas famílias de classe alta. A aposentada freqüenta o asilo desde a inauguração “ isso aqui é uma benção, é nossa família”, diz Aldevina, que é mãe de três mulheres e garante ter uma boa convivência com os familiares. Quando o assunto é preconceito ela garante não sofrer com isso, nem mesmo ao pegar o transporte coletivo. “Conheço todos os motoristas, eles me adoram, sempre que posso levo um docinho pra eles”, afirma com sorriso estampado no rosto.

O aposentado pela Policia Rodoviária Federal, Ray Pereira, 64 anos, freqüenta a instituição há 2 anos, com um pouco de receio sobre seu passado. Ele conta um pouquinho de sua história, “Sou formado em engenharia e aposentado pela PRF. Nunca fui casado. Tenho um filho de 27 anos mas prefiro não falar sobre esse assunto”. Pereira que nasceu no Maranhão, vive em Mato Grosso do Sul  há 30 anos e atualmente mora com sua namorada de 27 anos. “Sempre venho em todos os bailes, mas ela não freqüenta, não se sente à vontade no nosso meio, mas ela respeita”, termina.

Com sorrisos e muito bom humor, os aposentados vibram com o carinho e atenção oferecidos pela instituição. De acordo com o coordenador do CCI, muito deles vão todos os dias ao asilo.  “Eu chego, vou para o almoço, volto e quando é por voltar das 17h muitos deles ainda estão aqui”, diz.

Os idosos que participam de atividades no asilo Vovó Ziza não têm nenhum tipo de gastos. O órgão fica localizado na rua Joaquim Murtinho, nº 3.117, bairro Tiradentes. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira das 7h às 11h e das 13h às 18h.


Dia do Idoso
Por ser uma data que antecede as eleições, o coordenador do CCI Vovó Ziza, Valdir Gomes optou por não fazer uma festa aberta ao público, por risco de propaganda política indevida no local. Por este motivo a data será comemorada apenas com um baile para os integrantes. Já no dia 07 de outubro acontece a grande festa de comemoração que contará com várias atrações e será aberta aos familiares.

Leia Também