sexta, 20 de julho de 2018

VIDA LONGA

Ter amigos faz bem à saúde, revela pesquisa

25 OUT 2010Por DA REDAÇÃO20h:15

Uma pesquisa da Universidade Brigham Young, nos Estados Unidos, revela que quem tem uma boa rede de amigos tem 50% de chance a mais de ter uma vida longa. O estudo, publicado recentemente pela revista especializada Plos Medicine, sugere que ter poucos amigos pode ser tão prejudicial à saúde de uma pessoa como fumar 15 cigarros por dia ou ser alcoólatra.


Segundo a pesquisa, a amizade traz bem-estar e vontade de se cuidar mais. Na opinião do psicólogo Harmut Gunther, professor da Universidade de Brasília, isso acontece porque quem tem uma boa rede social pode recorrer aos amigos para superar momentos de tristeza, o que diminui a chance de depressão, por exemplo.


"Essas tristezas contribuem para baixar qualidade de vida e qualidade da própria saúde da pessoa, então, tendo mais amigos a chance de você encontrar alguém que lhe anima aumenta. Então, nesse sentido, para mim o resultado faz todo sentido."


Por isso, o professor Harmut Gunther ressalta que não é aconselhável se afastar dos amigos, mesmo com as inevitáveis mudanças da vida como casamento ou mudança de estado ou país. Nesse estudo, os cientistas analisaram 300 mil pessoas em quatro continentes em um período de sete anos. Aqueles que mantinham redes sociais mais fortes se saíram melhor em resultados de saúde e expectativa de vida.

Fonte: Agência do Rádio

Leia Também