Segunda, 18 de Junho de 2018

Tentativa de fuga em massa é investigada

19 JAN 2010Por MILENA CRESTANI07h:53
A Polícia Civil investiga a participação de 24 presos em tentativa de fuga de duas celas da 4ª Delegacia de Polícia, localizada no Bairro Moreninha II, em Campo Grande, ocorrida na noite de anteontem. Os detentos conseguiram serrar as grades e depois entortá-las para sair das celas. No entanto, eles não passaram pela porta de ferro do corredor da delegacia e foram flagrados pelos policiais. Con forme o de legado Wellington de Oliveira, titular da 4ª Delegacia de Polícia, foi aberto inquérito para apurar quais detentos estavam envolvidos diretamente com a tentativa de fuga e os estragos nas celas. Eles poderão ser autuados por dano ao patrimônio público e por promover o motim. “Caso eles recebam alvará de soltura pelo outro crime, vão permanecer presos por conta destas novas autuações”, afirma o delegado. Os presos conseguiram sair das celas por volta das 19h30min de anteontem. No entanto, não conseguiram deixar o corredor de acesso, que possui uma porta de ferro e uma janela com grades. Os policiais civis que estavam de plantão perceberam que havia uma movimentação estranha e, por um buraco na porta (que foi resultado de um tiro em motim anteriormente), conseguiram ver que havia presos no corredor. Policiais civis da Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros (Garras) e militares da Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais (Cigcoe) foram acionados. Os presos retornaram às celas em menos de 30 minutos. Os policiais fizeram revistas nas celas e encontraram um canivete. A 4ª Delegacia de Polícia abriga atualmente 55 presos.

Leia Também