MATO GROSSO DO SUL

Tempo seco deixa cidades em situação de emergência

Tempo seco deixa cidades em situação de emergência
31/07/2012 14:20 - BEATRIZ LONGHINI


O tempo em Mato Grosso do Sul continua seco, com nevoeiros em algumas regiões e calor no período da tarde.

Segundo o meteorologista Natalio Abrahão Filho, na manhã de hoje (31) o aeroporto de Corumbá operou somente por instrumentos, até às 10h, devido ao tempo fechado. Em Ponta Porã o céu também permaneceu encoberto até às 09h.

Em Rio Negro, Coxim, Sonora, Alcinópolis, Água Clara e Ribas do Rio Pardo a umidade nesta tarde estará abaixo dos 15%, o que deixa os locais em situação de emergência. Na capital sul-mato-grossense a umidade do ar é de 33%.

Corumbá, Ladário e Rio Negro registram 39 dias sem chuva, de acordo com o meteorologista. O tempo se agrava devido à fumaça das queimadas. Já Aparecida do Taboado e Paranaíba contam com variação intensa na unidade diurna e contabilizam 35 dias sem chuva.
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".