Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

Hortaliça

Tem maxixe no prato

24 NOV 2010Por CRISTINA MEDEIROS00h:30

Ela é uma hortaliça muito consumida nas regiões Norte e Nordeste, mas não muito usual no sul do País. O maxixe é um um fruto originário da África, introduzido no Brasil pelos escravos. Por ser rica em zinco, a hortaliça reduz o depósito do mau colesterol, elimina manchas brancas nas unhas e ajuda na cicatrização de ferimentos. O maxixe é uma Cucurbitacea, como as abóboras, pepino, melão e melancia.

Os frutos são fonte de sais minerais e têm poucas calorias. São ovalados, com casca espinhosa ou lisa, de cor verde-clara. Escolha frutos firmes, com cor uniforme, com os espinhos inteiros. Evite frutos amarelados, que por serem mais velhos tornam-se fibrosos, com sabor ruim e sementes duras.

O maxixe tem a casca fina e delicada, por isso escolha os frutos com cuidado sem amassá-los ou feri-los com a unha. Quando machucados, murcham mais rapidamente e escurecem nas áreas danificadas.

O maxixe é consumido tradicionalmente na forma cozida ou refogada. Na maxixada, prato típico do Nordeste, é cozido juntamente com carnes, abóbora, quiabo e temperos. O maxixe cru pode ser usado na forma de salada em substituição ao pepino.

Para salada, prefira frutos mais verdes, que ainda não formaram sementes. Quando consumido na forma crua, os frutos devem ser lavados em água corrente e higienizados com uma mistura de 1 litro de água filtrada e 1 colher de sopa de água sanitária. Deixe os frutos de molho por 30 minutos e enxágue em seguida em água filtrada.

Para consumo cozido ou cru, o maxixe deve ser previamente descascado, raspando o fruto com uma faca ou retirando uma casca bem fina, para evitar desperdícios.

Dança
Maxixe também é uma dança urbana, geralmente instrumental, originária do Rio de Janeiro, onde apareceu entre 1870 e 1880  como resultado da fusão da Habanera e da Polca e mais uma adaptação do ritmo sincopado africano.
Era caracterizada por requebros de quadris, voltas, quedas e parafusos. Foi substituída pelo Samba, na segunda década do século XX.

Receitas
Farofa de maxixe
Ingredientes:
6 maxixes, raspados e cortados em cubinhos
1 colher (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de margarina
2 ovos batidos
1 cebola pequena cortada em cubos
2 dentes de alho amassados
1/2 xícara (chá) de farinha de mandioca
sal e pimenta a gosto
Modo de fazer:
Aqueça o azeite e a margarina, acrescente a cebola, deixe dourar, junte o alho e frite. Acrescente o maxixe e refogue até ficar macio.
Tempere com sal e pimenta, junte os ovos e mexa bem. Em seguida, junte o cheiro-verde e a farinha de mandioca e mexa bem.

Maxixe refogado
Ingredientes
1/2 kg de maxixe limpo (raspe com uma faca os
espinhos) corte-os em rodelas finas
1 cebola média picadinha
2 dentes de alho amassados
folhas de manjericão fresco picadas
1/2 pimenta-dedo-de-moça sem sementes picada
sal e pimenta-do-reino a gosto
azeite
Modo de fazer:
Em uma frigideira frite o alho, acrescente a cebola e
deixe murchar, junte manjericão, o sal, a pimenta-do-reino, pimenta-dedo-de-moça e por último os maxixes, deixe refogar bem.
Maxixe recheado
Ingredientes
3 a 4 maços de maxixe
1/2 kg de carne moída
Tomates picados a gosto
cebola a gosto
coentro a gosto
3 colheres de molho de tomate
1 caldo de carne
Sal a gosto
Modo de fazer:
Limpe os maxixes raspando-os com uma faquinha. Corte o talo e faça um furinho. Reserve. Tempere a carne com todos os ingredientes citados. Coloque no fogo uma panela com 1 litro de água, óleo de sua preferência e o molho de tomate. Então pegue os maxixes que já foram limpos e recheie com a carne. Coloque na panela que já deve estar fervendo. Deixe os maxixes ficarem um pouquinho moles, então desligue o fogo. Sirva com arroz branco.

Maxixe com carne seca
Ingredientes:
500 g de carne seca (dessalgada e cortados em tiras)
10 unidades de maxixes (raspados e cortados a meio)
2 dentes de alho (ralado)
3 colheres de sopa de óleo
3 unidades de cebolas (cortados em rodelas)
Modo de fazer:
Refogue alho em óleo, junte carne seca (dessalgada) cortadas em tiras, acrescente água quente (suficiente para cobrir) e cozinhe até amaciar. Fatie algumas cebolas e leve ao fogo baixo apenas com óleo; cozinhe mexendo de vez em quando. A cebola perderá líquido e ficará caramelizada (cerca de 20 minutos). Um pouco de sal. Em outra panela, salteie o maxixe fatiado em óleo, salgo e misture à carne seca (o líquido já terá evaporado). Sirva com cebolas caramelizadas por cima (salgado da carne seca, acidulado do maxixe e adocicado da cebola).

Camarão com maxixe e purê de batata da terra
Ingredientes
250g camarões
6 maxixes
6 tomates cereja
2 bananas-da-terra
50ml creme de leite
50g parmesão
50g manteiga
2 dentes alho
1 cebola
pimenta-do-reino
salsa
azeite
sal
Modo de fazer:
Raspar o maxixe, cortar em quatro partes e refogar em uma panela com azeite, alho e cebola. Acrescentar um pouco de água e deixar cozinhar até ficar ao dente. Reservar. Em seguida, saltear os camarões temperados em azeite, acrescentar o maxixe e o tomate cereja. Antes de desligar, colocar salsa picada e misturar. Descascar e amassar a banana. Em seguida, refogar a cebola na manteiga, acrescentar a banana amassada, temperar com sal e pimenta-do-reino Pirata, colocar o creme de leite e o parmesão e misturar. Servir com arroz branco.

Maxixe com costelinhas
Ingredientes
1kg de costelinha
sal
pimenta
3 dentes de alho
suco de 1 limão
2 colheres (sopa) de azeite
1 cebola
3 tomates
2 xícaras (chá) de água
1/2 kg de maxixe
1 xícara (chá) de leite de coco
1 colher (sopa) de salsinha
1 colher (sopa) de cebolinha
Modo de fazer:
Tempere a costelinha com sal, pimenta, alho e o suco do limão. Deixe nesse tempero por no mínimo duas horas. O ideal é de um dia pelo outro. Em uma panela, aquecer o óleo e fritar a costelinha até dourar bem, acrescentar a cebola e o tomate e refogar um pouco. Acrescentar a água, tampar a panela e cozinhar por aproximadamente 10 minutos. Junte agora o maxixe limpo e cortado em quartos e cozinhe por mais 10 minutos ou até que a costelinha e o maxixe estejam macios.  

 

Leia Também