Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

TCE determina devolução de R$ 14 milhões prefeitos de Dourados

7 MAI 2008Por 07h:40
     

 

 

O prefeito de Dourados Laerte Tetila (PT) e o antecessor Braz Melo foram multados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) por causa de irregularidades em um contrato firmado em 2000, no último ano da administração de Braz e que, segundo o Tribunal, teria sido revalidado de 2001 a 2005 durante o primeiro mandato de Tetila com a empresa Monreal Corporação Nacional de Serviços e Cobranças S/A.

 

O montante da autuação do TCE chega a R$ 14 milhões, sendo a maior parte, R$ 11,2 milhões contra Tetila, que ainda foi multado em 250 Uferms. Braz foi multado em R$ 2,8 milhões e 500 Uferms. A Montreal prestava serviços à Prefeitura de Dourados na cobrança de impostos municipais atrasados, como IPTU e ISSQN, por exemplo.

Leia Também