Quarta, 21 de Fevereiro de 2018

MÚSICA

Tangará e Zé Viola lançam “Queimada”

16 DEZ 2010Por OSCAR ROCHA00h:16

Na contramão da atual tendência do sertanejo pop, que coloca em primeiro plano ritmos dançantes e letras amorosas ou satíricas, a dupla Tangará e Zé Viola aposta nos ritmos regionais e temas como meio ambiente e a cultura local. Isso pode ser comprovado no segundo álbum da formação, “Queimada”, que será lançado na segunda-feira, no Teatro Glauce Rocha.

“Esse sempre foi nosso estilo, desde o primeiro trabalho, mostrar a nossa música e as nossas coisas. A veia ecológica e as questões regionais são marcantes no que fazemos, destacando as belezas naturais de Mato Grosso do Sul e os costumes do nosso povo”, destaca Tangará. Os músicos anteriormente tocaram no grupo Dimensão, que existiu nas décadas de 1970 e 1980. Depois, Tangará formou uma dupla com outro músico. “A gente já se conhece há 30 anos. Tocamos no Dimensão, em bailes, mas somente há 8 oito anos resolvemos formar a dupla”, diz Tangará.

O primeiro disco, “Ainda resta uma esperança”,  foi lançado em 2004. A faixa-título conseguiu destaque por causa do clipe veiculado na TV Morena. “A música fala sobre o açoreamento do Rio Taquari e ficou conhecida em todo o Estado”. Agora, o novo álbum também conta com clipe da faixa-título exibida na televisão. “Ficou menos tempo no ar, quando comparado com da outra música, mas mesmo assim muita gente ficou conhecendo”.

Na avaliação de Tangará, o trabalho da dupla é menos comercial, quando comparado com os cantores e duplas do sertanejo universitário, com vários representantes no Estado. “Nossa música, por exemplo, é mais para ambiente fechado, um teatro, do que praça pública, onde normalmente o acesso do público é maior. Nosso estilo tem influência de artistas como Almir Sater, Renato Teixeira, Rolando Boldrin e de ritmos regionais como guarânia e chamamé”, enfatiza.

No show de lançamento, a dupla estará acompanhada por 8 músicos. Nos próximos dias iniciam-se a divulgação por rádios e televisões. “A partir daí que vamos poder agendar shows em outros lugares do Estado, além de Campo Grande”.

O novo CD conta com 14 faixas, tendo uma bônus, que destaca a música “Ainda resta uma esperança”. “Incluímos no novo disco por causa do sucesso que tivemos com ela. A gravação é a original, não modificamos para incluí-la no novo trabalho”, destaca Tangará.

Serviço
Show de lançamento do álbum “Queimada”, da dupla Tangará e Zé Viola, segunda-feira, às 20h, no Teatro Glauce Rocha. Ingresso: R$ 10.  

Leia Também