Talibãs dizem querer matar o príncipe Harry

Talibãs dizem querer matar o príncipe Harry
10/09/2012 13:15 - cidadeverde


O Talibã afegão disse nesta segunda-feira (10) que eles estavam fazendo tudo em seu poder para tentar sequestrar ou assassinar o príncipe Harry da Grã-Bretanha, que chegou ao Afeganistão na semana passada para pilotar helicópteros de ataque.
 
"Faremos todo o possível para matar o príncipe Harry e os outros membros das forças britânicas baseadas em Helmand", província do sul do Afeganistão, considerada um dos redutos dos talibãs, afirmou Zabihula Mujahid.
 
"Não queremos capturá-lo, e sim matá-lo", completou o porta-voz talibã em uma entrevista por telefone à AFP. Já agência à Reuters o mesmo porta-voz deu outra versão: "Estamos usando todas as nossas forças para nos livrar dele, seja matando-o ou sequestrando-o".
 
Os talibãs iniciaram um "plano muito importante" para atacar o príncipe Harry, terceiro na linha de sucessão do trono britânico.
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".