Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MÚSICA DE MS

Surfistas de Trem celebrará o som autoral no MS Canta

Surfistas de Trem celebrará o som autoral no MS Canta
07/03/2014 00:00 - Oscar Rocha


A banda ponta-poranense Surfistas de Trem, que se apresenta domingo, às 17h30min, no Parque das Nações Indígenas, no Projeto MS Canta Brasil, promete repertório autoral e também covers de canções feitas por músicos de Mato Grosso do Sul – Simona, Curimba, Jerry Espíndola, entre outros – na abertura do show do músico Humberto Gessinger – ex-Engenheiros do Hawaii. “Também colocaremos no repertório uma música de Tim Maia, da fase ‘Racional’”, antecipa o vocalista do Surfistas de Trem, João Caentano.

Em breve, a banda inicia a gravação do primeiro álbum oficial, que terá como título “Moderna música da fronteira”.

Para João Caetano, a abertura do show de Humberto Gessinger é um fato importante para trajetória da formação. “Mesmo não sendo um artista que tenha me influenciado muito, reconheço a importância dele para o rock nacional. Um ponto similiar entre a trajetória da banda dele e a nossa é a valorização do local de onde saiu. No caso dos Engenheiros, a ligação forte é com o Sul do País; no nosso caso, a fronteira Brasil/ Paraguai. Sem conta o lance ideológico nas letras do Humberto e também nas nossas”, destaca o vocalista. A banda Surfistas de Trem apresenta-se ainda no sábado no Lendas Pub, às 22h. 

Felpuda


Tudo indica que o MDB não conseguiu convencer o PSDB de iniciar namoro com vistas a casamento nas eleições, e a ideia teria sido descartada. Os tucanos demonstraram que o problema deles não é o cargo: os emedebistas ofereceram a vaga de vice na disputa à Prefeitura de Campo Grande, a mesma cobiçada pelos tucanos, mas na chapa do PSB do atual prefeito. A questão, politicamente falando, seria, digamos, o oferecido “noivo”. Afe!