terça, 17 de julho de 2018

Supremo permite que empresas de telefonia não enviem à CPI dados de grampos

5 AGO 2008Por 12h:30
     

 

 

O Supremo Tribunal Federal aceitou na noite de segunda-feira (4) pedido das empresas de telefonia para que não sejam enviadas à CPI dos Grampos as ordens judiciais de interceptações telefônicas dos processos que correm em segredo de Justiça. A decisão, no entanto, é de que dos dados dos demais processos sejam encaminhados à comissão.

A decisão foi tomada em caráter liminar, de acordo com a assessoria de imprensa do tribunal, e o caso ainda será analisado pelo plenário do Supremo.

 

Com informações do site G1

Leia Também