9º DIA

Supremo ouve hoje defesa de petistas

Supremo ouve hoje defesa de petistas
14/08/2012 08:05 - G1


Os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) retomam, às 14h desta terça-feira (14), o julgamento do processo do mensalão com as sustentações orais das defesas de três ex-deputados federais do PT, um ex-ministro e uma assessora parlamentar.

Será a nona sessão do julgamento. O tribunal já ouviu 30 dos 38 acusados para analisar o suposto esquema de pagamento de propinas em troca de apoio político no Congresso.

O primeiro defensor a subir à tribuna nesta tarde será o advogado do ex-deputado petista Paulo Rocha (PA). De acordo com a Procuradoria-Geral da República (PGR), o então líder do PT na Câmara recebeu R$ 820 mil do “valerioduto” - suposto esquema operado por Marcos Valério para abastecer o mensalão.

Na denúncia, o Ministério Público alega que Paulo Rocha usou sua assessora Anita Leocádia para sacar R$ 420 mil do Banco Rural, em uma tentativa de ocultar a origem dos recursos. O ex-parlamentar admite ter recebido a cifra, contudo, argumenta que a verba seria usada em gastos de campanha.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".