Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

Superávit primário acumula R$ 71,2 bilhões em sete meses

31 AGO 2012Por AGÊNCIA BRASIL12h:31

O superávit primário, esforço para o pagamento de juros da dívida, do setor público chegou a R$ 5,57 bilhões, em julho, segundo dados do Banco Central (BC), divulgados hoje (31). A conta reúne a economia feita pelos governos governos federal, estaduais e municipais e pelas empresas estatais. O esforço fiscal no mês passado foi menor do que o registrado em julho de 2011 (R$ 13,789 bilhões).

Nos sete primeiros meses do ano, o superávit primário chegou a R$ 71,229 bilhões, menor do que o resultado de igual período de 2011 (R$ 91,979 bilhões). Em 12 meses encerrados em julho, o resultado ficou em R$ 107,96 bilhões, o que representa 2,51% de tudo o que o país produz – Produto Interno Bruto (PIB). A meta para este ano é R$ 139,8 bilhões.

O esforço fiscal do setor público não foi suficiente para cobrir os gastos com os juros que incidem sobre a dívida. Esses juros chegaram a R$ 17,435 bilhões, em julho, e acumularam R$ 128,462 bilhões, nos sete meses do ano, ante R$ 18,797 bilhões e R$ 138,544 bilhões, respectivamente, em iguais períodos de 2011. Com isso, o déficit nominal, formado pelo resultado primário e as despesas com juros, ficou em R$ 11,866 bilhões, no mês passado, e em R$ 57,234 bilhões, de janeiro a julho. Em julho do ano passado, o déficit nominal ficou em R$ 5,007 bilhões, e nos sete meses do ano em R$ 46,565 bilhões.

Nos sete meses do ano, o governo central (Banco Central, Tesouro Nacional e Previdência Social) registrou superávit primário de R$ 51,896 bilhões, enquanto os governos regionais (estaduais e municipais) apresentaram R$ 17,874 bilhões e as empresas estatais, excluídos os grupos Petrobras e Eletrobras, registraram R$ 1,458 bilhão.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também