terça, 17 de julho de 2018

Socorro de R$ 4 bi para construção civil não vai evitar queda no setor

22 OUT 2008Por 19h:10
     

        O socorro de até R$ 4 bilhões do governo para a construção civil --anunciado no início da semana e previsto para ser detalhado somente hoje durante encontro nacional de empresários no Maranhão-- é uma tentativa de evitar que o crescimento de um dos motores da economia no último ano caia quase pela metade em 2009.

        Apesar de o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, sustentarem publicamente que a crise internacional terá um impacto marginal no Brasil, a equipe econômica já se convenceu de que é preciso mais do que discurso para manter o ânimo empresarial.

        O foco das novas medidas será o setor imobiliário, que representa cerca de 45% da indústria da construção civil. A idéia do governo é assegurar linhas de crédito baratas para capital de giro, para permitir que empreendimentos já engatilhados possam ser transferidos a terceiros que queiram levá-los adiante. Fonte: Folha Online

Leia Também