Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 21 de outubro de 2018

Sobreviventes de Auschwitz lembram libertação do holocausto

28 JAN 2010Por 22h:48
Sobreviventes de Auschwitz, veteranos do Exército soviético e líderes políticos como o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, reuniram-se ontem, 27, para o 65º aniversário da liberação dos prisioneiros deste campo de concentração nazista no sul da Polônia. Os atos começaram com o som das sirenes no local do campo de Auschwitz-Birkenau e com uma mensagem em vídeo do presidente dos EUA, Barack Obama, enviada a um fórum organizado pelo Congresso Judeu Europeu a poucos quilômetros dali. “As atuais gerações devem resistir ao antissemitismo e à ignorância em todas as suas formas e têm o dever de relembrar a crueldade que imperou neste lugar”, disse Obama. “A tragédia do povo judeu consistiu em não ter sido capaz de identificar o perigo a ponto de se defender”, disse Netanyahu ao lado do presidente polonês, Lech Kaczynski.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também