Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

PECUÁRIA

Só tecnologia garante a sustentabilidade

27 DEZ 2010Por Maurício Hugo00h:33

Se a agricultura não exige a derrubada de uma árvore sequer para se expandir, graças aos avanços da tecnologia e a disposição dos agricultores em ganhar em produtividade, a pecuária brasileira está atrás nesse processo: responsável por boa parte do desmatamento nos últimos 40 anos, (e nesse sentido o Governo foi, no passado, o maior incentivador), a pecuária não tem crescido tanto em produtividade, apenas em área, na contramão do momento histórico nacional e mundial, em que a palavra de ordem é a sustentabilidade.

Esse quadro, no entanto, estaria mudando. Hoje, e especialmente a partir do ano de 2011, o crédito para investimentos na pecuária é e será maior. Haverá dinheiro, a custo não tão alto, para que os pecuaristas aumentem o desfrute na atividade, aplicando tecnologia da forma como a agricultura tem feito há muitos anos: utilizando menos área para conseguir resultados mais lucrativos. Porém, para que isso aconteça, os pecuaristas precisam ter disposição para captarem recursos e investirem muito mais na modernização da gestão de suas propriedades. Tem havido avanços na questão da genética e na seleção do gado, mas o “gargalo” está especialmente na necessidade de reforma das pastagens que, se realizada, representará o grande salto de produtividade na pecuária brasileira.


 

Leia Também