Sexta, 15 de Dezembro de 2017

base aliada

Siufi pode ser expulso do PMDB por 'namorar' Bernal

21 FEV 2014Por DA REDAÇÃO08h:00

Depois de protagonizar um dos maiores embates contra o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), o vereador Paulo Siufi (PMDB) caminha agora rumo à base aliada do progressista. O peemedebista, que chegou a presidir a CPI do Calote, para investigar falta de pagamento por parte da prefeitura a algumas empresas, agora está de “namoro” com o chefe do Executivo. Mas sua adesão pode resultar em processo de expulsão do partido, conforme matéria publicada hoje (21) no jornal Correio do Estado. Ontem, durante lançamento do Pronto Atendimento Pediátrico (Pape do Servidor), no bairro Amambaí, Siufi esteve ao lado do prefeito, onde defendeu a paz entre o Executivo e o Legislativo. “Sou vereador por Campo Grande e ele, prefeito, então temos que ter uma relação amistosa, tudo que for bom para a cidade tem meu apoio”, declarou.

Em seguida, durante discurso, o peemedebista não poupou elogios ao progressista que tanto criticou no ano passado. “Posso dizer com tranquilidade que estou feliz por estar aqui. Digo com toda humildade que hoje tenho que aplaudir a administração do Alcides Bernal, pois isso aqui é um passo gigantesco que está sendo dado”, disse Siufi em seu discurso. “O prefeito plantou sonhos, esperança e vamos colher realidade”, finalizou em tom filosófico.
Já as palavras do chefe do Executivo não foram tão floridas. Embora tenha agradecido a presença dos vereadores, em especial a de Siufi e Waldecy Batista Nunes (PP), o Chocolate, ele fez questão de alfinetar a Câmara Municipal com algumas indiretas. “As dificuldades existiam, mas não foram suficientes para impedir nosso avanço”, alfinetou.

Após os discursos e indagado sobre a possibilidade de estar acontecendo “namoro” entre ele e Bernal, Siufi disse: “se é assim que se pode falar”. Logo em seguida, o prefeito confirmou a adesão do peemedebista em sua base de sustentação na Câmara Municipal. Tentando não polemizar, o secretário de Governo e Relações Institucionais, Pedro Chaves, foi mais ponderado. “Nós estamos conversando, tudo caminha para isso, mas ainda estamos conversando”, finalizou.  Os rumores de pacto entre Siufi e Bernal começaram no ano passado e levaram a cúpula do PMDB a cogitar sua expulsão do partido. Agora, após o “namoro” do peemedebista com o prefeito Alcides Bernal ter sido confirmado, o presidente da Juventude do PMDB, Maicon Nogueira, decidiu reunir, hoje, os integrantes da Executiva do partido para pedir o enquadramento do vereador na comissão de ética. “Faremos na reunião a leitura da ata, onde Siufi admitiu que jamais faria parte da base de um prefeito corrupto”, destacou. A reportagem é de Jéssica Benitez.

Leia Também