Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

quinta, 21 de fevereiro de 2019 - 13h03min

Site americano destaca música de Miguelito

26 MAR 10 - 05h:34
A internet tem revelado grandes talentos musicais sul-mato-grossenses, como é o caso da banda Midnight Purple, que estourou graças ao site ReverbNation ano passado. Em 2010, a vez é de Jaime Miguel Barrera, o Miguelito, reconhecido artista do Estado, com carreira consolidada na música (ele comanda as bandas Zutrik e Beatles Maníacos). Durante toda essa semana, ele esteve em destaque no site americano DC Bebop (www.dcbebop. com). Descoberto graças ao seu trabalho autoral, que une jazz, bossa nova e rock, o músico acredita que ter sido selecionado é como “ganhar na Mega-Sena”. “Le cirque”, que conta com a participação de Edmir Tozzi no acordeão, foi a composição selecionada para figurar no site. Diversos comentários elogiam a composição instrumental, que tem tom nostálgico. Miguelito detalha que o administrador de DC Bebop, Leon James, entrou em contato com ele em meados de fevereiro, contando que a equipe do site conheceu seu trabalho por meio do My Space – comunidade online, na qual músicos e ouvintes podem trocar informações – e desejariam colocá-lo em destaque. A página é atualizada semanalmente e o reconhecimento gerado durante esse tempo, afirma Miguelito, foi grande. “Desde que entrei no DC Bebop, os acessos à minha página no My Space aumentaram de 60 para 300 pessoas ouvindo minhas composições diariamente”, aponta. Outra surpresa, é que o maior número de acessos tem sido feito nos Estados Unidos. “É uma divulgação gratuita, eu só posso agradecer”, comemora. Projetos Embora haja dificuldades para a produção musical em Mato Grosso do Sul, Miguelito conta que tem dez discos finalizados, mas aguarda algum apoio para serem lançados. “O último produzido chama-se ‘Amazônia’. Inscrevi-me no Fundo de Investimentos Culturais (FIC) com um projeto que prevê o lançamento de um box com 12 discos. Vamos ver se vai ser aprovado ou não”, espera. O músico defende que a música brasileira tem qualidade e é muito bem vista em outros países. “Quem produz aqui precisa ter essa visão. ‘Gringo’ adora bossa nova e coisas com um toque regional”, alerta. Com o reconhecimento estrangeiro, Miguelito discute a possibilidade de que suas músicas sejam usadas em trilhas sonoras de filmes estrangeiros. “Alguns diretores e compositores da Alemanha entraram em contato comigo por meio do site. É algo que estou analisando”, detalha. Para ele, produzir música instrumental facilita o acesso ao trabalho, pois é algo que pode ser entendido em qualquer lugar, independente de idioma. Com esse pensamento, Miguelito continua produzindo discos, que, como ele define, trazem “músicas que rompem com o regional e alcançam a universalidade”. Neste processo, uma de suas preocupações é mostrar ao mundo a riqueza da diversidade cultural de Mato Grosso do Sul. Quem se interessar em conhecer mais do trabalho de Miguelito, pode acessar o seguinte endereço: www.myspace. com/miguelitoinstrumental.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Deputados avaliam alternativas para reduzir impacto da Cota Zero
MEIO AMBIENTE

Deputados avaliam alternativas sobre impacto da Cota Zero

Campo Grande deve voltar a fazer parte das grandes competições vôlei
VIVAVÔLEI

Capital deve voltar a fazer parte das competições vôlei

Damares diz que vai rever  atuação de ONGs na Funai
AUDIÊNCIA PÚBLICA

Damares diz que vai rever
atuação de ONGs na Funai

Prefeito considera redução da atuação da guarda como retrocesso
DECISÃO JUDICIAL

Redução da atuação da guarda é retrocesso, diz Prefeito

Mais Lidas