Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

EDUCAÇÃO

Sisu abre inscrições amanhã com mais de 900 vagas em todo o Estado

17 JUN 12 - 18h:00TARYNE ZOTTINO

Os estudantes de Mato Grosso do Sul que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado podem se inscrever a partir de amanhã (18) para disputar 909 vagas em universidades públicas de ensino superior disponíveis pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). MS está em 11º na lista dos estados com vagas nessa edição. Em todo o Brasil, as vagas somam 30.548.

O Sisu foi criado pelo Ministério da Educação para unificar a oferta de vagas em universidades públicas, que são disputadas a partir do Enem. Os interessados podem consultar quais são os cursos disponíveis no site do programa. Ao acessar o sistema, o candidato pode escolher duas opções de curso, indicando a sua prioridade.

Ao longo do período de inscrições, ele pode visualizar a nota de corte preliminar de cada curso e sua classificação parcial. As opções de curso escolhidas previamente podem ser alteradas, se o candidato achar que tem mais chances de ser aprovado em outra graduação ou instituição. Porém, cada alteração invalida a inscrição feita anteriormente.

A lista dos aprovados será divulgada no próximo dia 25 e os selecionados deverão fazer matrícula do dia 29 ao dia 2 de julho. Uma segunda chamada está prevista par ao dia 6 de julho. Quem não for convocado em nenhuma das duas chamadas poderá participar de uma lista de espera, que será usada pelas universidades para selecionar alunos em caso de sobra de vagas.

(Com informações da Agência Brasil) 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta segunda-feira: "Obras e investimentos"

ARTIGO

Mateus Boldrine Abrita: "Desafio constante para eficiência na gestão pública"

Professor efetivo na Uems
OPINIÃO

André Marcos: "Fake news e o incêndio no Reichstag alemão"

Especialista em História do Brasil e Gestão Escolar

Felpuda

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião