Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Silvio Santos manda carta e urso de pelúcia de presente a ex-presidente do grupo empresarial

18 DEZ 2010Por R716h:51

O apresentador de TV e dono do SBT, Silvio Santos, enviou uma carta e um urso de pelúcia como presentes de Natal a Luiz Sandoval, ex-presidente do Grupo Silvio Santos. Sandoval deixou o cargo após a descoberta de um rombo de R$ 2,5 bilhões no Banco Panamericano, uma das divisões do grupo empresarial. A informação é da colunista Mônica Bergamo, publicada na edição do jornal Folha de S.Paulo deste sábado (18).

Na carta, segundo a colunista, Silvio define o ex-auxiliar como “brilhante e eficiente” e ainda diz: “conte sempre com esse amigo e admirador agradecido”. Sandoval diz que é a melhor “carta de referência” que poderia ter recebido. O dono do SBT ainda confirma que o grupo terá o tamanho “muito diminuído”.

Na quinta-feira (16) a Polícia Federal cumpriu nove mandados de busca e apreensão nas residências dos principais ex-diretores do Panamericano. Os principais crimes investigados são gestão fraudulenta, indução de investidor em erro, inserção de elemento falso em demonstrativos contábeis, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e sonegação fiscal. As penas por esses crimes podem chegar, se somadas, a 37 anos de cadeia.

Segundo a PF, os mandados foram expedidos após o recebimento e análise da documentação produzida pelo Banco Central. No relatório, o BC apontou 14 executivos como "supostos responsáveis" pelo rombo na instituição - entre eles, Sandoval e Guilherme Stoliar, sobrinho do apresentador e atual presidente do grupo.

Sandoval chegou a procurar "informalmente" o delegado da Polícia Federal que investiga eventuais desvios no Panamericano, diz a colunista. Ele afirmou que “estão misturando joio com trigo” e que os conselheiros "não descem aos detalhes da contabilidade e aprovam os números baseados em auditorias".

Leia Também