Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Setor siderúrgico quer volta da tarifa de 16% sobre importação

14 MAI 2009Por 16h:00
     

        

 

O presidente do Instituto Brasileiro de Siderurgia (IBS), Flávio de Azevedo defendeu a volta da tarifação de produtos siderúrgicos importados, suspensa em 2005 pela Câmara de Comércio Exterior (Camex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

 

Na ocasião a alíquota era de 16%, conforme lembra Azevedo, e, com a entrada desses produtos na lista de exceções da Camex a tarifa foi extinta.  Azevedo destaca que, em razão disso, o país está sendo vítima de prática predatória comercial, pois há excesso de produção siderúrgica no mercado internacional, havendo ofertas ao mercado interno brasileiro que ficam abaixo do próprio custo da produção nacional.

 

Com informações da Agência Brasil

Leia Também