terça, 17 de julho de 2018

rural

Setor produtivo debate melhoria nas condições das estradas de MS

14 FEV 2011Por da assessoria23h:01

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) está debatendo com o Governo do Estado uma ação emergencial para sanar os problemas mais críticos das estradas sul-mato-grossenses visando o escoamento da safra. Os pontos com necessidades de reparos mais urgentes estão sendo levantados pelos sindicatos rurais, visando dar subsídios ao plano de recuperação das estradas, um compromisso assumido pelo governador André Puccinelli com lideranças rurais durante o Showtec 2011, em Maracaju.

A recuperação das estradas é um pleito antigo para o produtor rural. “Com as estradas ruins, o custo da produção aumenta consideravelmente. Como vamos escoar a safra com a deficiência nas estradas?”, questiona o presidente do sindicato rural de Dourados, Marisvaldo Zeuli. “Estamos pedindo para tirar a soja da lavoura e levar para o armazém. Reduzir custos e aumentar a competitividade” resume o presidente do Sindicato Rural de Amambai, Christiano da Silva Bortolotto.

O presidente da Famasul, Eduardo Riedel, salienta que a deficiência nas estradas do Estado é pontual, sendo emergencial a melhoria para o transporte da safra até os pontos de armazenagem antes mesmo do escoamento dos produtos até os portos. “As estradas precisam estar em condições de suportar o transporte para a estocagem de grãos”, considerou. Durante o Showtec, no início de fevereiro, o governador André Puccinelli se comprometeu a convocar a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) para a elaboração de um plano emergencial de recuperação da malha rodoviária de MS.

 

Leia Também