segunda, 16 de julho de 2018

REAÇÃO

Sete soldados da Otan morrem em ataques no Afeganistão

15 NOV 2010Por ESTADÃO07h:00

Sete soldados da Otan morreram em vários ataques insurgentes no leste e no sul do Afeganistão durante as últimas horas, segundo informação atualizada nesta segunda-feira, 15, pela Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) da organização.

Em uma nota emitida hoje, a Isaf informou da morte de dois militares das tropas internacionais em um "ataque insurgente" no domingo no leste afegão, embora não tenha informado o local exato no qual ocorreram os fatos.

Na mesma região do país centro-asiático, três soldados foram abatidos em uma ação similar, segundo explicou a força militar em outro comunicado. "A política da Isaf é pôr em mãos das autoridades nacionais pertinentes os procedimentos de identificação", afirmou a organização em sua nota.

Além disso, outros dois soldados da Otan morreram no sul do Afeganistão pela explosão de bombas colocadas em estradas.

O ano de 2010 está sendo o mais sanguinário para as tropas internacionais desdobradas no Afeganistão desde a queda do regime talibã em 2001 e a invasão americana do país.

Segundo dados de um portal independente na internet, que não inclui as baixas confirmadas hoje, neste ano morreram 643 soldados, com o que já são mais de 2.200 os militares mortos desde a chegada das tropas estrangeiras.

Leia Também