Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Servo volta a ser preso pela Polícia Federal

24 JUL 2009Por 14h:52
     

        Policais federais voltaram a prender, nesta sexta-feira, Nilton César Servo. A prisão desta vez teve como causa o contrabando de cigarros. Ele foi detido junto com outras 17 pessoas durante a operação Bituca, desencadeada pela PF na região Norte do Paraná. Servo já havia sido preso em 2007, em Campo Grande. Ele foi apontado pela polícia como chefe da jogatina no Estado. Os filhos dele e a esposa também foram presos. Servo foi candidato a prefeito da cidade de Sorriso, Mato Grosso, e a deputado federal em Mato Grosso do Sul. Em nenhuma delas conseguiu se eleger.
        

   

Leia Também