sábado, 21 de julho de 2018

Servidores do Tesouro adiam decisão sobre greve para a próxima quarta

20 JUN 2008Por 11h:51
     

A pedido do secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, técnicos de finanças e controle e analistas de finanças do órgão decidiram deixar para a próxima quarta-feira (25) a decisão sobre uma possível paralisação completa das atividades. Até lá, eles esperam uma contraproposta do governo para a categoria.

 

Segundo o presidente da União Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controle (Unacon), Fernando Antunes, o início da greve hoje (20) seria uma sinalização de endurecimento do movimento com conseqüências para os serviços essenciais.

Esta semana a categoria promoveu uma paralisação de 72 horas que, segundo a Unacon, contou com a adesão de 80% de um total de 720 servidores. Os técnicos prometem, porém, continuar de braços cruzados. Por enquanto, o Tesouro tem conseguido manter os leilões de títulos, que chegaram a ser ameaçados pelos servidores. Eles reivindicam equiparação salarial com o pessoal da Receita Federal.

 

Com informações da Agência Brasil

Leia Também