Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Universidades federais

Servidores aceitam reajuste do governo

23 AGO 12 - 08h:46G1

Os servidores técnico-administrativos das universidades federais aceitaram na noite desta quarta-feira (22) a proposta de reajuste oferecida pelo governo para por fim à greve da categoria, que já dura mais de três meses. Reunidos com Sérgio Mendonça, secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, dirigentes da Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra) fecharam acordo para aumento de 15,8% em três parcelas até 2015.

A categoria reúne cerca de 183 mil servidores, sendo 117 mil ativos. Com o reajuste garantido, os líderes sindicais irão agora comunicar as assembleias locais para retorno ao trabalho a partir da próxima segunda-feira (27). Como parte dos professores também já aceitou reajustes que variam de 20% e 45%, a expectativa é que as aulas retornem aos poucos a partir da próxima semana.

Na reunião com o Planejamento, representantes de servidores da mesma carreira administiva, mas que trabalham nos institutos federais, voltados para o ensino técnico, não aceitaram. São cerca de 28,1 mil ativos, que também receberão o reajuste dado aos servidores das universidades.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Roberta D'Albuquerque: "Não chore não"
COMPORTAMENTO

Roberta D'Albuquerque: "Não chore não"

Dólar chega a R$ 4,21 e fecha no maior valor em dois meses
MERCADO FINANCEIRO

Dólar chega a R$ 4,21 e fecha no maior valor em dois meses

Por conta própria, Arthur luta por melhorias em Dourados desde os 6 anos
MINI REPÓRTER

Por conta própria, Arthur luta por melhorias em Dourados desde os 6 anos

Após incêndio em transformador, parque ficará sem iluminação nesta segunda
CAPITAL

Após incêndio em transformador, parque ficará sem iluminação nesta segunda

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião