quarta, 18 de julho de 2018

Serra vira aliado de Lula na luta para barrar Emenda 29

22 MAI 2008Por 23h:52
     

        Da Redação

         

Na batalha para evitar que a Câmara dos Deputados aprove a regulamentação da Emenda 29, que destina mais recursos para a área da saúde, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), é um aliado do Palácio do Planalto. Assim como o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Serra também não quer a aprovação da lei sem que fique claro de onde sairão até R$ 20 bilhões, ou mais, para investir até o ano de 2011.
        Em conversas informais com as bancadas parlamentares tucanas, Serra tem feito apelos técnico-legais aos parlamentares, como dizer que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) não permite que os governos façam despesas adicionais ao Orçamento sem explicitar de onde sairá a receita. Mas o governador tem feito também apelos de outra natureza, mais político-administrativos e de olho no calendário eleitoral.
        Serra tem lembrado que, se a lei da Emenda 29 for aprovada agora, em 2008, pela regra que prevê o aumento gradual, ano a ano, dos novos recursos para a saúde, o grosso dos investimentos caberá ao sucessor de Lula, a partir de 2011.
         As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. var keywords = "";

         

Leia Também