sexta, 20 de julho de 2018

Sérgio Guerra está descrente com CPI dos Cartões

28 FEV 2008Por 19h:49
     

        Eliane Ferreira

         

 

O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra, (PE) disse hoje, ao desembarcar no aeroporto de Campo Grande, que o seu partido não vai precisar de muito tempo para conduzir o que ele chamou de "essa tal CPI dos Cartões" Corporativos. O parlamentar está descrente sobre os rumos que a comissão deve tomar porque já espera que haverá intervenção do Planalto.

 

Guerra disse que o "Governo vai fazer de tudo para que não seja investigado nada". Segundo sua previsão, o PT, que representa diretamente os interesses do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, deve utilizar três técnicas já conhecidas para tentar impedir os trabalhos de investigação. "Toda vez dizem que não tem nada ver. Depois pendem para um lado ou para trás e a terceira técnica é impedir as investigações", previu.

Leia Também