Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Senadores aprovam acordo entre Brasil e EUA sobre transporte marítimo

17 MAR 11 - 23h:19agência senado

Na véspera da primeira visita do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao Brasil, os senadores aprovaram na tarde desta quinta-feira (17), por unanimidade e em votação simbólica, o Projeto de Decreto Legislativo (PDS) 29/10, que ratifica o texto do acordo sobre transporte marítimo celebrado entre Brasil e Estados Unidos em setembro de 2005, que tem por objetivo ampliar o volume do comércio de cargas exportadas para aquele país. A proposta vai à promulgação.

Atualmente, a via marítima representa quase 80% do comércio marítimo brasileiro feito em contêineres, segundo o Centro Nacional de Navegação (CentroNave), entidade associativa que representa 31 empresas de navegação do segmento de contêineres.

De janeiro a junho de 2010, as madeiras e compensados aparecem entre os itens mais exportados pelo Brasil para os Estados Unidos, segundo o CentroNave, totalizando 17.951 TEUs (unidade padrão para contêineres de 20 pés).

Segundo informações do ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, que assinou a mensagem enviada ao Senado, dados apurados em 2004 revelaram que, do total de US$ 20 bilhões exportados pelo Brasil aos EUA, US$ 15 bilhões (equivalentes a 30 milhões de toneladas) foram pela via marítima, ou seja, 75%. Já do total de US$ 11 bilhões importados pelo Brasil dos EUA, US$ 6 bilhões (12 milhões de toneladas, equivalentes a 54% do total) vieram pelo mar.

"Perseguir um tráfego marítimo livre e aberto, por meio de medidas administrativas e legislativas, mostra-se, portanto, da maior importância", afirmou o ministro na mensagem.

Além de ampliar o fluxo do comércio marítimo, o acordo entre os dois países visa a aumentar a competitividade desse comércio para os transportadores de bandeira nacional de ambas as partes.

Antes da votação, os senadores José Agripino (DEM-RN), Alvaro Dias (PSDB-PR), Walter Pinheiro (PT-BA), Ana Amélia (PP-RS), Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), Magno Malta (PR-ES) e Romero Jucá (PMDB-RR) comunicaram ao Plenário que seus partidos votariam favoravelmente à proposta. Agripino ressaltou que a aprovação do texto do acordo com os EUA era uma pequena homenagem do Senado Federal ao presidente Barack Obama, devido à sua primeira visita ao Brasil.

Na parte da manhã, a Comissão das Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) já havia aprovado o parecer favorável à proposta da relatora Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Segunda Turma do STF nega a Lula suspeição de Moro na ação do Instituto

BRASIL

Maia: pacote anticrime está 'quase maduro' e poderá ser votado em algumas semanas

BRASIL

EUA estão preocupados com impacto de incêndios na Amazônia

Incêndio assusta no Parque dos Poderes
CAMPO GRANDE

Incêndio assusta no Parque dos Poderes

Mais Lidas