Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PARLASUL

Senador Requião defende suspensão do Paraguai

26 JUN 12 - 00h:00AGÊNCIA SENADO

A representação brasileira no Parlamento do Mercosul (Parlasul) discutirá nesta terça-feira (26) a suspensão do Paraguai da instituição, integrada por Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Em reunião marcada para as 15h, o presidente da representação, senador Roberto Requião (PMDB-PR), vai colocar em debate o impeachment do ex-presidente paraguaio Fernando Lugo e sugerir aos outros integrantes do colegiado a suspensão do país do Parlasul.

O Paraguai foi suspenso no domingo (24) do Mercosul até 2013, devido à forma como conduziu o impeachment de Lugo – o processo todo, encerrado na noite de sexta-feira (22), durou cerca de 30 horas. A crítica dos países vizinhos refere-se ao fato de não ter sido dado direito de defesa a Lugo, condenado por mau desempenho de suas funções com respaldo da Constituição paraguaia.

Já nesta semana, o Paraguai não poderá participar da reunião de cúpula do Mercosul em Mendoza, na Argentina. A suspensão deverá ser estendida ao Parlasul, que tem reunião marcada para 2 de julho em Montevidéu (Uruguai), e também ao âmbito da União de Nações Sul-Americanas (Unasul). Ainda assim, Requião quer debater a medida. “Vamos apoiar a decisão da suspensão. Lugo sofreu um golpe”, disse.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

PRESIDENTE DA CCJ

Proposta sobre pacto federativo começará no Senado, diz Simone

Em início de noite violenta, duas pessoas são assassinadas
DOURADOS

Em início de noite violenta, duas pessoas são assassinadas

ECONOMIA

Em menos de 5 anos, País terá de voltar a discutir capitalização, diz secretário

Incêndio em terreno baldio localizado na área central assusta moradores
BATAYPORÃ

Incêndio em terreno baldio assusta moradores

Mais Lidas