Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Senado descobre contas secretas que somam R$ 3,74 milhões

24 JUN 2009Por 21h:30
     

Brasília

 

Depois dos 663 atos secretos editados ao longo de 14 anos sem que eles fossem publicados no boletim administrativo do Senado, o senador Renato Casagrande (PSB-ES) descobriu a existência de duas contas bancárias "paralelas" com recursos que somam R$ 3,74 milhões. Esse dinheiro não seria movimentado desde 2004 e, segundo consultores da área de orçamento do Senado, é provável que seja referente ao pagamento de serviços prestados pelo Prodasen (Serviço de Processamento de Dados do Senado) à Câmara dos Deputados. Diante da denúncia, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), determinou que Comissão de Fiscalização e Controle investigue a existência das duas contas bancárias paralelas, uma corrente e outra de poupança, fora da chamada conta única do Tesouro Nacional, por onde passam todos os recursos destinados à Casa.

Leia Também