Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Senado cancela licitação de R$ 121 mil para compra de flores

20 FEV 14 - 19h:53folhapress

O Senado cancelou hoje pregão eletrônico para a compra de flores que custariam até R$ 121,8 mil à instituição ao longo de um ano. A determinação foi do presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), que suspendeu a compra para evitar danos à imagem da instituição.

A decisão ocorreu depois que a Folha de S.Paulo revelou, na semana passada, a compra dos produtos. Sem o pregão, a Casa pretende realizar aquisições individuais de flores o que não significa, na prática, a redução de custos. A legislação permite que órgãos públicos realizem pequenas compras sem licitação, desde que não ultrapassem R$ 8 mil.

A mesma decisão foi tomada pelo Ministério das Relações Exteriores, após reportagem mostrar que o Itamaraty previa compra de arranjos florais e aluguel de vasos numa despesa total de até R$ 461,1 mil.

O edital do Senado previa a compra de arranjos de mesa, buquês, pétalas e até de coroas fúnebres para serem utilizadas pela Casa em cerimônias oficiais ou enviadas como condolências aos familiares de autoridades mortas. Segundo o documento, a compra tinha como objetivo "proporcionar aspecto agradável aos locais onde serão realizados os eventos oficiais", especialmente os que reunirem autoridades estrangeiras.

A ornamentação do Senado, segundo o documento, é "parte integrante do conceito que tais visitantes criam do Brasil e do governo brasileiro". A justificativa é a mesma apresentada pelo Itamaraty no edital que autorizava a compra das flores. Na Casa, predominam os arranjos de flores, no total de 374. Há ainda buquês (75), sacolas (do "tipo supermercado") de pétalas de rosas vermelhas e 13 coroas para eventos fúnebres. Essas, aliás, podem ter a entrega solicitada "em qualquer parte do território nacional", ressalta o edital.

O item mais caro é um arranjo de mesa orçado em R$ 1.000. Já a coroa de 30 dúzias de flores nobres (5 a menos do que uma das coroas solicitadas pelo Itamaraty) foi orçada em R$ 570. A do Ministério das Relações Exteriores era estimada em R$ 2.350. As flores são utilizadas pelo Senado na decoração de recepções oficiais, tanto na residência oficial do presidente da Casa quanto em suas instalações no Congresso. Em relação às coroas fúnebres, a instituição diz que precisa dessa previsão de gastos para enviar as homenagens a autoridades que morrerem ao longo do ano.  

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Dinheiro público poderá pagar advogado de acusado de corrupção
COBRE SEU SENADOR

Dinheiro público poderá pagar advogado de acusado de corrupção

Conheca os novos modelos HB20: Veja o vídeo.
CORREIO VEÍCULOS

Conheca os novos modelos HB20: Veja o vídeo.

Shopping vai pagar só metade do IPTU; centro de convenções ganha isenção
BOSQUE DOS IPÊS

Shopping vai pagar metade do IPTU nos próximos cinco anos

Prefeito avalia que demorou para organizar cidade
CAPITAL

Prefeito avalia que demorou para organizar cidade

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião