quarta, 18 de julho de 2018

Senado aprova propaganda eleitoral em sites

15 SET 2009Por 21h:00
     Foi rejeitada em votação no Senado, nesta terça-feira, 15, emenda do senador Osmar Dias (PDT-PR) ao projeto de reforma eleitoral, que propunha a impressão de alguns votos nas urnas eletrônicas para uma posterior verificação de resultado por amostragem (da mesma forma que são feitas as pesquisas eleitorais).

        Também foi aprovado na votação desta terça-feira, 15, no Senado, a permissão para que sites com propagandas eleitorais gratuitas deixem a publicidade dos candidatos mesmo nas 48 horas que antecedem a eleição. A propaganda paga, que na internet é permitida apenas para os candidatos a presidente, terá que ser retirada dois dias antes do pleito ser realizado.

        Com informações do Estadão

Leia Também