domingo, 22 de julho de 2018

Sem os melhores, Vitória busca a reabilitação

30 AGO 2009Por 11h:42
     

        Da redação

        Sem poder contar com o lateral-direito Apodi e com o meia Leandro Domingues, ambos afastados por impedimento contratual - têm os direitos federativos presos ao Cruzeiro -, o Vitória precisa vencer o time mineiro, em Salvador, neste domingo, às 17h30, para voltar a sonhar com uma vaga no G-4 do Campeonato Brasileiro. Depois de passar boa parte do primeiro turno no grupo de elite da competição, a equipe baiana ocupa apenas uma posição intermediária na classificação, com 28 pontos.
        "Para a gente, é o chamado jogo de seis pontos, até porque o Cruzeiro é uma excelente equipe e tem o mesmo número de pontos", avaliou o técnico Vágner Mancini. Para vencer, ele deve voltar a usar o esquema 4-4-2, com dois meias ofensivos - Ramon Menezes, no lugar de Leandro Domingues, e Jackson - e dois atacantes, com Neto Berola fazendo companhia a Roger. Na vaga de Apodi entra Nino Paraíba, escalado pela primeira vez entre os titulares.
        O goleiro Viáfara, recuperado de uma luxação na mão esquerda, foi liberado pelo departamento médico e deve voltar ao time. Outro que tem chance de retornar é o volante Uelliton, que cumpriu suspensão na partida contra o Sport, no último fim de semana, e se recuperou de uma gripe. No treino realizado na sexta-feira, ele e Vanderson se alternaram entre os titulares. Na zaga, Mancini também deu mostras de que deve promover uma alteração: Fábio Ferreira treinou no lugar de Wallace.
        A novidade da semana no clube foi a apresentação do atacante Derlei, de 34 anos, que passou os últimos dez anos em Portugal (defendendo Benfica, Porto e Sporting). Como ele estava de férias, a comissão técnica estima que serão necessários pelo menos 15 dias para que ele tenha condições de estrear pela equipe. (informações da Agência Estado)
        
        
        
        

Leia Também