Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Campeonato Carioca

Sem estrelas, Flamengo fica só no empate

20 MAR 2011Por terra17h:30

A ausência de Ronaldinho e Thiago Neves, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo, pesou para o Flamengo no Campeonato Carioca neste domingo. Sem suas estrelas, a equipe não conseguiu passar de um empate por 0 a 0 com a Cabofriense, em partida disputada em Macaé.

Com o resultado, o time perde a liderança do Grupo A da Taça Rio: com oito pontos, é segundo colocado, um atrás do Boavista. A Cabofriense é sexta colocada do Grupo B, com quatro pontos.

Na próxima rodada, o Flamengo pega o Madureira no domingo, às 16 horas (de Brasília). No mesmo dia e horário, a Cabofriense recebe o Americano.

Os gestos exaltados e a postura irritada do técnico Vanderlei Luxemburgo na conversa com seus atletas durante a parada técnica do primeiro tempo deixava claro que alguns dos recentes problemas estavam mais evidentes na tarde deste domingo. O Flamengo teve muita dificuldade para vencer a marcação da Cabofriense, além de sofrer de falta de criatividade no meio-campo.

Durante o primeiro foram poucas chances criadas, e apenas uma que quase resultou em gol: aos 34min, Renato Augusto ganhou de cabeça dentro da área e tocou para Willians, que bateu no canto. O goleiro Flávio salvou com excelente defesa. Antes disso, Renato cruzou na primeira trave e Wanderley se esticou para cabecear para fora.

Por outro lado, o time foi pouco ameaçado pelo anfitrião: aos 13min, Felipe fez boa defesa em chute de Everton. No segundo tempo, Luxemburgo mudou o time e colocou Fierro e Diego Maurício, no intuito de aumentar a ofensividade. O time melhorou, mas ainda assim teve dificuldades e irritou seu treinador à beira do campo.

Só Diego Maurício acertou a trave duas vezes: aos 19min, em chute da entrada da área, e aos 36min, após leve desvio do goleiro Flávio, que evitou o primeiro gol rubro-negro. Deivid entrou no lugar de Bottinelli, mas também encontrou dificuldades no setor ofensivo do Flamengo.

Sem Thiago Neves e Ronaldinho, o time acabou expondo sua falta de poderio ofensivo e não conseguiu evitar o tropeço em Macaé

Leia Também