Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Sejusp divulga números conflitantes da criminalidade da Capital

16 JUL 2008Por 09h:21
     

 

 

O relatório da Sejusp (Superintendência de Inteligência da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial revela que entre o segundo e o primeiro trimestre deste ano houve uma queda de 43% nos registros de homicídio doloso. Crimes de latrocínio (roubos seguido de morte) apresentaram queda de 100%. Ocorrências de lesão corporal seguida de morte se mantêm sem registros de ocorrência ao longo do ano.

Mesmo assim, crimes com morte apresentaram aumento de 6,3%. O fator negativo que provocou o acréscimo dos crimes com morte, foi o homicídio culposo de trânsito que apresentou alta de 131,6%.

 

Atentado violento ao pudor revela aumento de 40%. Delito de estupro apresenta redução de 10% e tentativa de estupro redução de 43%.

Os assaltos a transporte coletivo e estelionato apresentaram alta de 12,5%. As ocorrências que tiveram considerável queda foram: roubos de veículos -39,2%; roubos a estabelecimentos comerciais ou de serviços -19%; roubos a residências -41,6%; furtos de veículos -18%; furtos em residências -8%.

Leia Também