sexta, 20 de julho de 2018

Seguro rural será debatido hoje na Capital

29 JUL 2010Por 07h:00
     

Mais do que proteger o produtor de grandes perdas, o seguro rural evita também que prejuízos na agricultura, por conta do clima, abalem a economia estadual. Com o objetivo de discutir a importância dessa ferramenta e seus benefícios, a Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), junto a Escola Nacional de Seguros (Funenseg), promove hoje, o seminário "Risco e Gestão do Seguro Rural".

Com ampla programação para o dia todo, os participantes assistirão a palestras com diversos especialistas no assunto. A abertura fica por conta da Secretária de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo de Mato Grosso do Sul (Seprotur), Tereza Cristina. Ela irá falar sobre as estratégias e prioridades para a agricultura do Estado.

O evento pretende difundir o uso do seguro rural entre os produtores rurais. De acordo com o técnico da Famasul, Lucas Galvan, a ferramenta é fundamental para evitar grandes prejuízos com o risco climático. "Ao optar pelo seguro rural, o produtor evita que as perdas na lavoura o façam deixar de cumprir seus compromissos com bancos e fornecedores. A produção segurada evita também os prejuízos para a economia do Estado", considera.

        

São parceiros da Famasul no evento: o Sincor-MS, a Embrapa Agropecuária Oeste, a Unicamp e a Funenseg.

O evento acontece no auditório da Famasul, das 7h45 às 18 horas. As inscrições são feitas pela internet através do endereço www.funenseg.org.br.

Leia Também