TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Segurança é amarrado a colchão e incendiado em construção na Capital

Segurança é amarrado a colchão e incendiado em construção na Capital
25/08/2012 17:30 - BEATRIZ LONGHINI


Evaldo Justino da Silva, de 41 anos, está internado na Santa Casa de Campo Grande depois de ser queimado em um incêndio criminoso na madrugada de hoje (26) na Rua Manche Catan David, no Jardim Anache.

Segundo o registro policial, Evaldo é o segurança da construção que pegou fogo e foi amarrado a um colchão. O acusado roubou seu celular e incendiou o local.

Ele conseguiu se desamarrar e chamou um vizinho que chamou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".