segunda, 23 de julho de 2018

Segunda audiência para tentar acabar com greve dos Correios não teve sucesso

15 JUL 2008Por 09h:30
     

Durante a segunda audiência de conciliação, nesta terça-feira (15), os funcionários dos Correios decidiram manter a greve. A reunião entre representantes dos funcionários e da diretoria da empresa aconteceu no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília.

 

Após a primeira tentativa de conciliação, que aconteceu no início da semana passada, também não houve acordo e os funcionários decidiram manter a greve, que começou no dia 1º de julho.

 

Mais de 108 milhões de cartas e encomendas já deixaram de ser entregues por causa da greve dos funcionários dos Correios. Os funcionários querem adicional de 30% do salário por periculosidade. A categoria ainda reivindica revisão no plano de carreira e no programa de participação nos lucros. Segundo os Correios, o adicional de risco foi pago como abono durante seis meses, como previa o acordo com os trabalhadores. A empresa afirma que pratica a distribuição de lucros conforme a legislação vigente.

 

Com informações do site G1

Leia Também