Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Seca causou prejuízo de R$ 461 milhões em 2008

14 SET 10 - 09h:08

A seca que atingiu a região Centro-Sul no outono de 2009, também pela ação do La Niña, causou perdas de R$ 461 milhões à agricultura do Estado. Produtores de soja amargaram R$ 300 milhões em prejuízos, segundo levantamento feito pela Famasul na época. Cerca de 80% do 1,7 milhão de hectares plantados foram destruídos ou tiveram a produtividade reduzida.
Mais de 20 cidades entraram em situação de emergência e produtores de 14 municípios pediram revisão dos contratos de custeio da safra porque não conseguiriam cumprir compromissos com bancos.
Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o fenômeno entrou em ação no final de julho e deve estender-se até o início de 2011. Para MS, o instituto prevê chuvas dentro da média para os próximos três meses.
O La Niña provoca esfriamento nas águas do Oceano Pacífico na Linha do Equador. O fenômeno, descrito como contrário ao El Niño, que esquenta as águas, costuma causar fortes chuvas no Norte do Brasil e estiagem no Sul. Na região Centro-Oeste é menos previsível. (CHB)

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Confira o horóscopo deste domingo
ASTRAL

Confira o horóscopo deste domingo

CORREIO RURAL

Fertilizantes: código de uso sustentável recomenda boas práticas

BRASIL

Falta de objetividade na Justiça tem custo alto, diz Alexandre de Moraes

BRASIL

Presidente do Sindicato dos delegados de PF critica Bolsonaro

Mais Lidas