Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Schumacher anuncia que não retorna à Fórmula 1

11 AGO 2009Por 19h:00
     

 

 

O alemão Michael Schumacher anunciou nesta terça-feira a desistência de retornar para a Fórmula 1, no GP da Europa, por conta de dores no pescoço, causadas por um acidente de moto sofrido no início do ano. Schumacher iria substituir Felipe Massa, que sofreu um acidente no GP da Hungria. Agora, Luca Badoer será o companheiro de equipe de Kimi Raikkonen em Valência.

O alemão tem 40 anos e abandonou a Fórmula 1 no final da temporada de 2006. Depois disso, participou de algumas corridas de moto, mas sofreu um acidente em fevereiro.

"Tentei absolutamente tudo para que fosse possível meu retorno, mas, infelizmente, não funcionou. Não conseguimos diminuir as dores que eu senti no pescoço depois do dia de testes privados em Mugello, ainda que tenhamos tentado tudo no nível médico e terapêutico", disse.

O heptacampeão disse que ainda sente os efeitos do acidente sofrido em Cartagena, na Espanha, em fevereiro. "As consequências das lesões causadas pelo acidente de moto, com fraturas na área da cabeça e do pescoço, infelizmente se mostraram ainda muito severas", explicou.

Ele pediu desculpas por não ter condições de concretizar o seu retorno. "Lamento pelo pessoal da Ferrari e por todos os torcedores que cruzaram seus dedos por mim. Só posso repetir que fiz tudo que estava ao meu alcance. Agora, tudo que posso fazer é cruzar os dedos pelo time nas próximas corridas".

 

Com informações do G1

Leia Também