sexta, 20 de julho de 2018

Chuva

São Paulo registra queda de 11ºC em apenas duas horas

21 FEV 2011Por G118h:10

Em apenas duas horas, os termômetros registraram uma queda de 11°C na cidade de São Paulo durante o temporal que atingiu a cidade na tarde desta segunda-feira (21), segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura.
 

A máxima, de 32°C, foi registrada às 14h. Por volta das 16h, os termômetros registraram 21°C na capital paulista. O Corpo de Bombeiros registrou 119 chamados de quedas de árvores em São Paulo durante a chuva que deixou parte da cidade debaixo d'água. Toda a capital foi colocada em atenção devido aos temporais. Dois córregos e um rio transbordaram. A cidade foi retirada do estado de atenção às 17h.
 

Os bombeiros também atenderam chamados de pessoas ilhadas e fizeram resgates em vias alagadas. Às 17h, a cidade tinha 89 km de congestionamento, índice bem acima da média para o dia e para o horário.
 

A chuva prejudicou a circulação de trens entre a a capital e municípios vizinhos. As estações Luz e Brás da CPTM ficaram fora de operação. Foi acionado o sistema PAESE com o Metrô, na Estação Tatuapé, na Linha 3-Vermelha. As linhas 1, 2 e 3 do Metrô operaram com restrição de velocidade. A circulação de trens da CPTM foi normalizada às 16h40.
 

Segundo o CGE, por volta das 17h, havia 15 pontos de alagamento na cidade. Algumas vias se transformaram em rios, como Avenida Teresa Cristina, no Ipiranga, uma das regiões mais afetadas. Na avenida, ao menos dez carros ficaram submersos.

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), semáforos voltaram a apresentar problemas. O Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, teve de ser fechado das 14h19 às 15h para pousos e decolagens por causa do mau tempo, de acordo com a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Às 15h35, operava por instrumentos. Apesar de a chuva também atingir Guarulhos, na Grande São Paulo, o aeroporto de Cumbica permanecia operando sem o auxílio de instrumentos.


A chuva forte acompanhada de ventos provocou o desprendimento de duas telhas de acrílico que cobriam uma das cancelas do estacionamento do shopping SP Market, na Zona Sul de São Paulo. Segundo a assessoria do shopping, não houve feridos nem danos a veículos. O acidente não afetou o funcionamento do centro de compras.

Leia Também