São Paulo confirma venda do zagueiro Bruno Uvini ao Napoli

São Paulo confirma venda do zagueiro Bruno Uvini ao Napoli
30/08/2012 17:33 - terra


O São Paulo confirmou, nesta quinta-feira, a venda do zagueiro Bruno Uvini ao Napoli, da Itália. O jovem jogador acertou um contrato de cinco anos com a equipe italiana, já treinando com os novos companheiros.

"Foi uma negociação que já estava acontecendo há algum tempo e é em definitivo. Foi um acordo bom para mim e também para o São Paulo", confirmou o zagueiro, em entrevista ao site oficial do clube paulista.

A imprensa italiana informou na última quarta que o acordo já estava fechado, colocando a negociação no valor de 3 milhões de euros (cerca de R$ 7,7 milhões).

Uvini viajou no último sábado para acertar os últimos detalhes do contrato, se despedindo dos companheiros de clube durante a concentração para o jogo contra o Corinthians, disputado no último domingo. Ele ainda deixou uma carta de agradecimento aos amigos de clube.

"Tive a sorte de encontrar alguns jogadores aqui. Não foi fácil. A gente lembra do tempo de base aqui e emociona. Confesso que na hora da despedida me deu um nó na garganta, pois são pessoas do bem que sempre me ajudaram muito. Todos foram como minha família e sempre que puder vou visitá-los", completou o jogador, no São Paulo desde 2007.

Esta é a segunda passagem do zagueiro pela Europa. No começo do ano, o atleta, 21 anos, foi emprestado por três meses ao Tottenham, da Inglaterra.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".