Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Santistas atribuem derrota à arbitragem

30 MAI 2010Por 20h:30
     

        Da redação

        Os jogadores do Santos elegeram Sálvio Spinola Fagundes como culpado pela derrota no clássico com o Corinthians neste domingo. Segundo eles, o árbitro anulou um gol legítimo de Marquinhos no primeiro tempo e, na etapa final, deixou de marcar uma falta em Edu Dracena no lance que originou o gol de Bruno César.

        

        

        "É uma coisa impressionante quando o Sálvio apita os jogos do Corinthians", afirmou o lateral-esquerdo Léo, que citou o segundo gol do Corinthians. "A gente tinha acabado de empatar, estávamos bem melhor na partida, aí empurram nosso zagueiro [Edu Dracena] dentro da área e o juiz não vê. Tivemos de arriscar e levamos os gols no contra-ataque", reclamou.

        

        O zagueiro Edu Dracena engrossou o coro. "Tivemos um gol anulado, e o segundo gol foi falta em cima de mim. É o terceiro jogo que o Corinthians faz no Pacaembu e o terceiro em que é ajudado", criticou.

        

        O meia Marquinhos se mostrou ainda mais indignado com a atuação do árbitro. "Todo jogo o Corinthians está sendo ajudado. Não sei se é coincidência ou se estão puxando o saco", disparou, antes de defender sua posição regular no gol anulado pelo juiz.

        

        "Eu estava muito atrás do cara. Mas se eles não ganharem nada no ano do centenário, morre alguém. Todos os times que estão no Brasileiro precisam abrir o olho", completou. (Do Estadão)

Leia Também