Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

Pernambucano

Santa Cruz faz dois no Sport e pode acabar com hegemonia

8 MAI 2011Por uol17h:23

O Santa Cruz abriu uma excelente vantagem em cima do Sport neste domingo na primeira partida da final do Campeonato Pernambucano e deixou a equipe da Ilha do Retiro mais longe de igualar o rival Náutico na façanha de ser hexacampeão estadual. Mesmo fora de casa, o Santa venceu por 2 a 0 e agora levará uma grande tranquilidade para a partida de volta. Gilberto e Landu marcaram os gols.

O Sport começou a partida com a postura de um time que sabe que tem que vencer em casa. Com apenas 10seg de jogo, Bruno Mineiro pressionou o zagueiro Thiago Matias perdeu a bola. O defensor foi obrigado a fazer falta para parar o adversário e recebeu cartão amarelo.

A equipe mandante continuou com um ritmo forte e a primeira boa chance foi aos 10min, em falta cobrada por Marcelinho Paraíba. A bola cruzou a área toda e ninguém conseguiu desviar para o gol.

O Santa Cruz procurava se segurar e apostava no contra-ataque. Porém, o centroavante Gilberto não tinha companhia na frente para levar maior perigo. Então, o camisa 9 resolveu a questão sozinho aos 33min. Em um lindo chute de fora da área, acertou o ângulo esquerdo do goleiro Magrão e abriu o placar para os visitantes. Foi o 12° gol do jogador na competição.

O gol abalou a equipe do Sport, que diminuiu o ímpeto ofensivo e passou a dar mais espaços ao Santa Cruz. Os visitantes ainda tiveram algumas boas chances de aumentar na primeira etapa, mas pararam nas defesas de Magrão e na falta de pontaria de Landu e Gilberto.

No segundo tempo, o Sport voltou determinado a buscar o prejuízo e o Santa Cruz também parecia sentir que poderia ampliar. Com ambas as equipes se lançando ao ataque, a partida ficou mais franca.

Aos 15min, por muito pouco o empate não saiu. Marcelinho Paraíba cruzou na cabeça de Ciro dentro da pequena área. O atacante chegou bem na bola, mas o goleiro Tiago Cardoso conseguiu fazer uma grande defesa. Aos 18min, ele voltou a fazer ótima defesa em chute de Wellington Saci.

Porém, a máxima de quem não faz toma nunca é velha demais no futebol. Em jogada individual, Renatinho arrancou no meio da marcação do Sport e deixou Landu na cara do gol. O atacante bateu sem chances para o goleiro Magrão e aumentou o placar para o Santa Cruz aos 20min.

O Sport ainda tentou ir para cima, mas não foi capaz de diminuir a desvantagem. O Santa Cruz soube se fechar e suportar a pressão até o apito final do árbitro na Ilha do Retiro

Leia Também