quinta, 19 de julho de 2018

Rumo do PT em Bonito poderá cair nas mãos da Justiça

23 JUN 2008Por 23h:00
     

Lidiane Kober

 

Depois de um encontro, que foi anulado, e da realização de uma nova plenária, continua a guerra interna do PT de Bonito. Por contra do racha, a decisão poderá parar na Justiça. Um grupo defende a aliança com o PMDB e outro quer ficar do lado do PDT. Na primeira reunião, venceu a ala que luta pela parceria com os pedetista, no entanto, a decisão foi anulada. Já na plenária do último domingo, a vitória foi dos que querem a aliança com o PMDB. Contudo, o grupo adversário promete revanche.

A ala, liderada por Bosco Martins que quer ser o vice na chapa do ex-prefeito Geraldo Marques (PDT), atesta que o encontro foi marcado por irregularidade, por isso, quer invalidar a plenária. Ele informou que até o meio-dia de amanhã o Diretório Regional do PT irá receber recurso, pedindo a anulação do encontro. "Se não obtivermos respaldo do comando estadual, vamos ao nacional e, se for necessário, acionaremos até a Justiça", ressaltou.

Leia Também