domingo, 22 de julho de 2018

Rubinho vence Bruno Senna e leva vaga na nova Honda

3 MAR 2009Por 10h:00
     

        

 

O anúncio será feito apenas quinta-feira à noite, às 21h, horário de Londres (17h de MS), quando oficialmente a equipe Honda passará a se chamar Brawn F-1, conforme o acordo costurado entre os dirigentes da montadora e o engenheiro inglês Ross Brawn, o novo proprietário da escuderia. Mas já é possível afirmar que Rubens Barrichello, o piloto de maior longevidade na Fórmula 1 e duas vezes vice-campeão do mundo (2002 e 2004), é o escolhido de Brawn. Rubinho e Bruno Senna disputavam a preferência do ex-diretor-técnico da Ferrari.

 

Rubinho está em Brackley, Inglaterra, cidade onde se encontra a sede da Brawn F-1, na realidade a mesma da Honda, em breve sob nova direção. Como sempre faz enquanto não há ainda informação oficial do time, Rubinho evitou, nesta segunda-feira, falar a respeito de seu destino profissional. A própria Fórmula 1 o dava como carta fora do baralho, depois da corrida do Brasil do ano passado, de 268 GPs e 16 temporadas na competição, apesar do interesse explícito de continuar no mundial 1 demonstrado nas entrevistas.

 

Com informações do Estadão

Leia Também